Adoção de pets: vantagens e como fazer

Notíciasjun, 23 - 2020

Adoção de pets: vantagens e como fazer

Adotar tem como significado “aceitar alguém legalmente como filho”. Mas será que é só isso mesmo? A verdade é que a escolha pela adoção está diretamente ligada à compaixão, amor, carinho e novos caminhos. E é disso que vamos falar hoje!

A adoção é um processo jurídico que pode acontecer tanto com crianças e jovens, quanto com animais. Hoje, no Brasil, mais de 3 milhões de animais estão em situação de vulnerabilidade e mais de 170 mil encontram-se em abrigos e ONGs, esperando por cuidados e um lar. 

E o ditado “há males que vêm para o bem” nunca fez tanto sentido. Em meio a este período de isolamento social, muitas pessoas abraçaram a solidariedade e, ainda, compreenderam o valor de uma boa companhia. 

Com isso, ONGs e protetores de animais sinalizaram um aumento de aproximadamente 50% nas buscas por animais para adotar. Isso é fantástico, não? Mas é importante que se lembrem: o bichinho não será uma companhia temporária, mas para a vida! Vocês estão preparados pra isso?

Antes de tudo, considere: o espaço em sua casa, a saúde das pessoas que moram com você, a sua disponibilidade durante e pós isolamento e, depois de todas essas respostas positivas, aí sim considere entrar em um processo de adoção. Para ficar mais fácil, dá só uma olhadinha nos tópicos a seguir. 

  • Vantagens 

As vantagens são inúmeras, mas decidimos listar algumas primordiais aqui. Olha só:

– Boa companhia;

– Diminuição dos problemas emocionais, como estresse e depressão;

– Auxílio na prevenção de alergias em crianças (a adaptação precoce colabora com o desenvolvimento de uma boa imunidade, por exemplo);

– O tempo livre da quarentena possibilitará uma excelente adaptação do novo pet ao ambiente;

– Aumento do bem-estar! 

  • Cuidados 

– Entenda, exatamente, os motivos pelos quais você deseja fazer uma adoção;

– Verifique sua disponibilidade em meio a rotina;

– Faça seus cálculos para ajustes no orçamento; 

– Não deixe de dar muito amor ao animalzinho. 

  • Como fazer 

Com sua rotina e orçamento planejados, você poderá buscar por um animalzinho. Para isso, conte com as redes sociais e sites (como o Facebook e o Instagram do Centro de Proteção ao Animal Doméstico), já que, os protetores e ONGs estão trabalhando online. Então, entre em contato e prepare-se para a entrevista. 

Nessa entrevista, questões sobre seu lar, condições financeiras, físicas e emocionais serão o foco central. Depois, você poderá escolher o pet, organizar seus dados e agendar o encontro! Nós desejamos boa sorte. <3 

Fiquem bem! 

Por Carolina Oquendo