personagem
Birra de criança: Saiba como lidar com este comportamento

Notíciasago, 02 - 2018

Birra de criança: Saiba como lidar com este comportamento

Se você vive no planeta Terra certamente já viu uma criança fazendo birra. A cena é quase sempre a mesma; elas choram, gritam, esperneiam e se jogam no chão. Este momento, por mais que aconteça com todas as mamães e papais, pode ser extremamente constrangedor. Você sente como se fracasse na educação dos pequenos, mas isso está longe de ser verdade.

A Seven Boys selecionou algumas dicas bacanas e nada violentas para diminuir esses momentos de tensão. Confira:

1 – Entenda a causa do comportamento

A ciência explica: fazer birra é a forma que os baixinhos encontram para se expressarem. Quando nascemos nosso cérebro ainda não está completamente desenvolvido, incluindo o neocórtex. Esta região é responsável por capacidades como reflexão, planejamento, imaginação, pensamento analítico e solução de problemas.

Sendo assim não podemos exigir, nem mesmo esperar, que crianças de 4 ou 5 anos sejam capazes de tomarem decisões equilibradas, tenham controle emocional e capacidade de entenderem as consequências de seus atos. A região do cérebro responsáveis por estes comportamentos ainda não está totalmente formada, daí vem a explicação para as birras que acompanham as negativas das mamães e papais.

2 – Ajude a criança a se expressar

Nesta fase da vida o pequeno ainda não consegue explicar com palavras todas as suas emoções. Aproveite o momento para ensiná-lo a aprender mais sobre seus sentimentos e como reagir em situações difíceis ou desconfortáveis. Com calma, converse com ele fazendo perguntas a fim de compreender melhor o que ele quer dizer e, claro, dê nome ao que ele está sentindo.

3 – Lembre-se: Você é o adulto!

Quem nunca sentiu vontade de agir da mesma forma vendo uma criança fazendo birra? A situação pode ser tão estressante que adultos se flagram também ao berros, como o filho, mas isso não pode acontecer. Não se esqueça que você é o adulto e tem uma missão diante à criança que faz birra, por tanto tranquilize-se e explique calmamente ao pequeno o que está acontecendo e o que espera dele.

4 – Ensine-o a extravasar os sentimentos

Sentimentos reprimidos nunca dão em boa coisa, portanto ensine seu filho a extravasar, mesmo que seja raiva. Na hora da birra, deixe que ele esperneie, grite, chore e coloque para fora tudo o que está sentindo. Tranquilize-se, aos poucos, será mais fácil fazer com que ele controle tal explosão. Uma boa dica é deixar que a criança desconte seu descontentamento socando um travesseiro, por exemplo, assim ela vai descarregar toda a energia negativa .

5 – Seja um espelho para seu filho

Não é novidade que crianças reproduzem comportamentos aprendidos, portanto é fundamental que você dê um bom exemplo à elas. Não grite com o baixinho porque ele gritará de volta, afinal ninguém se acalma ao ver outra pessoa aos berros. Procure sempre manter a calma, isso ensinará seu filho a fazer o mesmo quando estiver pronto.

Por Carolina Pain